Ministro Ricardo Salles visita o Iate Clube

Na manhã de ontem, 15, o Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, visitou o Iate Clube para conhecer de perto toda a infraestrutura do campus, especialmente o Complexo de Tênis, esporte que tem o seu apreço, e a Marina do Iate.

Acompanharam a visita do Ministro o Comodoro Flávio Pimentel; o Presidente do Conselho Deliberativo, Edison Garcia; o Diretor de Esportes Individuais e Vice-diretor de Tênis, Gilson Luz; e a jornalista e Sócia Lilian Tahan.

Leilão de bens do Iate Clube acontece nos dias 28 e 29 de janeiro

A Diretoria de Patrimônio e Suprimentos promoverá, na modalidade online, o primeiro leilão de 2021 do Iate Clube de Brasília. A abertura dos lances será no dia 28 de janeiro, a partir das 9h, com encerramento no dia 29, às 16h. Todo o procedimento será realizado por meio do site Leiloeiro Oficial (www.leiloeirosdebrasilia.com.br).

Os bens estarão disponíveis para visitação entre os dias 20 e 27 de janeiro, das 9h às 11h, e das 13h às 16h, na sede do Clube (área do lava-jato). Não haverá exposição no dia do leilão, mas as fotos e as descrições dos bens a serem apregoados serão disponibilizadas no site oficial do certame. 

Poderão ofertar lances as pessoas físicas e jurídicas, sendo que todos os interessados deverão fazer o cadastro prévio no site do Leiloeiro Oficial. Os lances deverão ser feitos pelo sítio do leilão e será declarado vencedor o licitante que oferecer o maior lance por lote. Ao valor do lance vencedor será acrescido 5%, correspondentes à comissão do Leiloeiro Oficial e ao ICMS devido, conforme a legislação.

 

O arrematante que tiver o lance vencedor, deverá quitar, no prazo máximo de 24 horas após o encerramento do leilão, o valor total do lance ofertado mais o valor da comissão do Leiloeiro Oficial e o ICMS, por meio de transferência bancária (TED) em conta, agência e banco fornecido no dia do leilão.

Para mais informações, entre em contato pelos telefones 3329-8785 ou 3329-8809.

Academia inicia projeto de treinamento e preparação física para jovens atletas do Clube

Neste mês, a Academia do Iate, em parceria com as Secretarias de Esportes Individuais e Coletivos, iniciou o projeto de preparação física para jovens atletas do Clube, entre 12 e 21 anos. 

A iniciativa é coordenada pelo Diretor técnico da Academia, Martim Bottaro, e, segundo ele, o objetivo do projeto é aprimorar a capacidade física dos atletas do Iate e, assim, complementar o treinamento já realizado nas escolinhas.

As aulas acontecerão na sala “G1” da Academia e serão ministradas pelos profissionais do espaço, em conjunto dos respectivos técnicos de cada modalidade. “Os técnicos irão formatar, com apoio dos professores da Academia, como será a programação de treinamento. Todo o trabalho será pensado para garantir a performance dos alunos e não irá interferir nas competições”, detalha Bottaro.

Nesta primeira etapa, as aulas serão realizadas no período vespertino. A ideia é disponibilizar, pelo menos, dois horários por semana para cada modalidade, em dias alternados.

Dentro dessa proposta, para custear a mão de obra e a depreciação dos equipamentos e acessórios, o Clube cobrará um valor simbólico de R$ 50 (por atleta). Já para atletas da mesma titularidade, incidirá um desconto de 50% na segunda adesão.

Os alunos que tiverem interesse em participar do projeto deverão preencher e assinar uma ficha de inscrição que será disponibilizada pela Academia. Se o atleta for menor de idade, a ficha deverá ser assinada pelos seus responsáveis.

A Diretora da Academia, Maria Cecília Moço, acredita no sucesso do projeto, pois a preparação física dos atletas é fundamental para que eles possam alcançar seus objetivos. Cecília lembra que os Diretores de cada área, que tenham interesse em participar do programa, devem encaminhar à Academia as relações dos atletas que serão beneficiados.

Dúvidas e demais informações podem ser esclarecidas nas Secretarias de Esportes ou na Academia.

Na foto, alguns atletas do tênis e do beach tennis que já iniciaram o treinamento na Academia. 

 

 

Treinos do projeto Touca Estrela e da Equipe Master serão retomados no dia 18

A Diretoria de Esportes Individuais comunica ao Sócios que, devido ao aumento do número de casos de covid-19 no Distrito Federal, o retorno das atividades da Escola de Natação e do Deep Water ocorrerá somente no dia 1º de fevereiro. Entretanto, na próxima segunda-feira, 18, serão retomados os treinos com os atletas participantes do projeto Touca Estrela e da Equipe Master.

Quiosque da Piscina do Feijão será reaberto neste sábado, 16

As atividades do Quiosque localizado próximo à Piscina do Feijão serão retomadas neste sábado, 16, pelo concessionário Fábio. Além do atendimento direto no balcão, os Sócios também poderão fazer seus pedidos aos garçons espalhados por todo o gramado próximo às piscinas.

O Quiosque funcionará aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h, servindo variados petiscos e refeições, além de cervejas, drinks, sucos e refrigerantes. 

Campanha de solidariedade do EMIATE continua

Em 2020, o EMIATE, com a colaboração do quadro social, fez doações a  várias entidades e, para este ano, a meta é continuar com este importante trabalho social, beneficiando ainda mais famílias de todo o Distrito Federal.

Para isso, contamos com a colaboração de todos os Associados, parte fundamental para o sucesso desta iniciativa. Todas as doações poderão ser entregues na Secretaria do EMIATE (localizada no 1° andar do Edifício Multifunções).

Livro comemorativo está disponível no Iate TV

A Diretoria Cultural informa que exemplares do livro “60 Anos do Iate Clube de Brasília – Um Sonho Realizado” continuam sendo entregues aos Associados Titulares gratuitamente no Iate TV. Livros extras poderão ser adquiridos por R$ 40, a unidade, diretamente na Tesouraria (a entrega dar-se-á somente com o comprovante de pagamento).

Nova etapa da campanha sobre o uso de máscaras começa neste sábado, 9

Em um cenário com quase oito milhões de casos confirmados e mais de 200 mil mortes por coronavírus no Brasil – segundo o Ministério da Saúde -, mais do que nunca, as medidas de proteção ao Sars-CoV-2 têm sido essenciais. 

Por isso, com o objetivo de chamar a atenção e conscientizar a todos, o Iate Clube de Brasília inicia neste sábado, 9, uma nova etapa da campanha, idealizada pela Comodoria, para alertar a Família Iatista sobre a necessidade de praticar o distanciamento social, usar máscara de proteção facial e higienizar as mãos com álcool gel ou água e sabão.

Para isso, funcionários do Clube utilizarão coletes com os dizeres: USE MÁSCARA. Preserve a vida. Nas costas, o reforço sobre os cuidados pessoais destinados à prevenção. “Talvez, em nenhuma outra circunstância, o papel da população tenha sido tão vital quanto agora. Nossos colaboradores irão atuar como promotores da saúde, pois o combate ao coronavírus é um dever de todos”, avaliou o Diretor Médico, Nelson Diniz, durante a reunião de sensibilização das equipes, realizada no Salão Social do clube, resguardando-se o devido distanciamento e o uso de máscaras. 

Segundo Diniz, cada um precisa fazer a sua parte para enfrentarmos este período tão difícil. “Assim, respeitar as medidas do governo, adotar hábitos de prevenção e praticar a solidariedade são exercícios diários que devemos praticar. Vamos pensar em todos, principalmente, nos nossos idosos e pessoas com comorbidades, que são os mais atingidos pela covid-19, por já terem  uma saúde mais debilitada e imunidade frágil”, enfatizou.

 

Iate Clube recebe equipamentos para a formação de atletas

A Diretoria de Esportes Náuticos encerrou o ano de 2020 com grandes conquistas. Em julho, o Iate Clube recebeu um bote com motor equipado com carreta e, em dezembro, foram 26 barcos completos da Classe Optimist, além de três barcos da Classe ILCA/Laser – todos destinados a apoiar os alunos da Escola de Desportos Náuticos (EDN). 

Os equipamentos fazem parte do projeto apresentado em 2017 pelo Iate referente ao Edital nº 7 do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC), o qual o Clube recebeu R$ 953.421,20 para modernizar os parques esportivos destinados aos atletas em formação da EDN, na forma do Programa de Formação de Atletas do CBC. 

Para Juliano Camargo, Vice-diretor de Escolas Náuticas, o reforço na estrutura é mais um incentivo ao esporte. “Tivemos um ano muito conturbado, mas para 2021 as expectativas são melhores. A Escola de Vela do Iate está com um bom número de inscritos e, inclusive, nove jovens atletas, integrantes do Programa de Formação de Atletas do CBC, irão competir nos Campeonatos Brasileiros em janeiro, sendo que oito utilizarão os novos barcos optimist”, complementa Camargo.

Segundo o Camargo, com o aporte financeiro do CBC, “o ensino da Escola de Vela tende a beneficiar ainda mais crianças que, futuramente, irão representar o Clube nas competições regionais, nacionais e internacionais”, almeja. 

 “A cada ano, o Iate se firma como um dos maiores clubes náuticos do Brasil, não só por suas conquistas esportivas, mas também pelo seu patrimônio. Os novos equipamentos somam-se à estrutura que o Iate Clube possuía, o que torna a nossa Escola de Vela uma das mais bem equipadas do país, proporcionando um aprendizado com total segurança e sob a supervisão de excelentes velejadores”, destaca Guilherme Raulino, Diretor de Esportes Náuticos.

Concluídas as obras de desassoreamento da Dársena 2 do Setor Náutico

O serviço de desassoreamento na Dársena 2 do Setor Náutico, executado pela empresa Mak Dragagem, foi concluído no último dia 11. As obras tiveram início no dia 5 de outubro e incluíram ainda o serviço de limpeza e desassoreamento da rampa próximo ao guincho da náutica, facilitando assim a descida e a subida da maioria das embarcações.

“A dársena 2 teve o desassoreamento executado com êxito e obtidas as profundidades desejadas. Foram retirados também alguns obstáculos, como troncos e galhos, os quais encontravam-se depósitos no leito da dársena 2”, explica o engenheiro Eustério Chaves. 

Segundo Chaves, o processo de desassoreamento foi concluído com uma média de 34.000 m3 de volume de água bombeado com sedimentos e, aproximadamente, 4.000 m3 de material sedimentado decantado.

“O sistema de descarte nos diques da antiga Escola Superior de Guerra foi bem sucedido, sem nenhuma inconformidade, assim como toda a obra. O serviço foi realizado com as devidas licenças e autorizado pelos órgãos competentes”, finaliza o engenheiro.